Imamato e o Oitavo Imam Ali Al-Reda (as)


Imamato

Você sabia que após a Morte do Profeta Muhammad (saas) ele designou 12 sucessores?

Assim como as 12 tribos de Israel, os 12 Discípulos de Cristo, o Profeta designou 12 sucessores. Essa sucessão inclusive está registrada na Bíblia:

“Entretanto, também compreendi o teu pedido a respeito de Ismael; e Eu o abençoarei e lhe darei muitos filhos e uma multidão de descendentes. Ele será pai de doze príncipes, e Eu farei que os descendentes dele sejam uma grande nação.” Gênesis 17:20

Como todos sabem, Profeta Muhammas (saas) é da linhagem de Ismael. Seus 12 descendentes escolhidos foram os Imames (líderes) da comunidade islâmica (a grande nação).

Os imames foram nomeados os recomendados pelo Profeta Mohammad (S.A.A.S), para a continuidade da liderança dos homens da nação no mundo islâmico e seja efetuado o esclarecimento do conhecimento de sua religião com firmeza, sobre o sistema do Islam genuíno.

Portanto, a difusão da Mensagem do Islam e a ansiedade do Profeta Mohammad (s.a.a.s) no que diz respeito aos líderes no imamato, recomendados e protegidos para o número de doze Imames a partir de Ali (A.S), tornando a sucessão uma dilatação divina para o vaticínio, só que, um Imam não recebe Revelações como ocorria ao Mensageiro de Deus (S.A.A.S), apesar de serem purificados e desprovidos de qualquer erro ou falta, tendo o mesmo grau de infalibilidade do Profeta (S.A.A.S).

Imam Ali Al-Reda

Em homenagem aos descendentes do profeta Muhammad (saas) celebramos essa semana o nascimento do 8º Imam Ali Al-Reda (A.S).

O Imam Ali Al-Reda (A.S) nasceu na cidade de Medina, a Iluminada, no ano de 148 Hejríta (765 d.C.), sete anos após a morte de seu avô Jafar Assadeq (A.S), vivendo com seu pai, o Imam Mussa Al-Cázem (A.S) por vinte e cinco anos. Com o tempo, o Imam Ali ibn Mussa, ficou conhecido pelo cognome de “Al-Reda”, ou seja, “O Aprovado”.

O Imam Ali Al-Reda (A.S) era bondoso em suas ações e atitudes, cumpridor da palavra dada, jamais caindo em contradições, sendo o exemplo em sua convocação e disciplina. Ele foi tal qual como o foram os Imames anteriores. Um belo exemplo para os muçulmanos na sua devoção, paciência, caráter, humildade, remissão do mal que lhes fora feito, em todas as virtudes e altos valores. Por isso, os Imames purificados (A.S) não só possuíam a dignidade representativa, mas também a dignidade no trabalho, no empenho e na dedicação a Deus, fazendo jus com isso, para serem o modelo da virtude para a humanidade.

Qualidades do Imam Al-Reda

Um de seus parentes falou, ao se referir à moral e à polidez do Imam Al-Reda (A.S):

“Jamais vi Abu Al-Hassan, o Imam Al-Reda, ofender alguém em uma palavra sequer, e nunca o vi interromper alguém, ouvindo-o até o fim, assim como nunca o vê recusar auxílio que estivesse ao seu alcance. Ele não estendia suas pernas diante de quem que seja e não encostava em alguém. Jamais insultou alguém e tampouco os que o serviam, sejam servos seus ou não, e jamais o vi se coçar ou dar gargalhadas, pois sorria somente”.

Um de seus companheiros relatou um fato que ele presenciara, dizendo:

“Certa vez, estive viajando em companhia de Al-Reda para Khorassán, onde convidou seus servos negros e outros, para comerem na mesma mesa com ele.

Então, eu lhe propus:

“Que tal se reservássemos uma mesa a parte para eles?”

Replicou o Imam:

”Ora, Deus Supremo e Bendito é Uno e Único. O pai e a mãe de todo ser vivo são únicos, e a recompensa é pelos atos. “

Assim era o Imam Al-Reda (A.S), personificava o bom caráter e o sentimento humanitário através do seu procedimento para com todos, sejam servos ou não, e os olhava com ternura e humildade, sem jamais mostrar-se superior ou prioritário a quem quer que seja, exceto na devoção.

O seu servo Yásser disse-nos um dia:

“O Imam nos recomendou que, se alguma vez ele chegar enquanto

estivermos comendo, nós não devemos nos levantar, ficando sentados até

terminarmos. Se o Imam mandava chamar um dos servos e este estiver

comendo, ele dizia para deixá-lo terminar a sua refeição primeiro”.

Outro serviçal nos contou:

“Se qualquer um de nós estiver comendo, o Imam Al-Reda jamais o

interrompia, esperando-o até terminar. E às vezes ele reunia os pequenos

e os grandes e conversava com eles.. até os cavalariços e os tratadores

da sangria, ele os fazia sentarem-se à sua mesa de refeições!...”

Certo homem se aproximou do Imam Al-Reda (A.S) e lhe disse:

“Por Deus, oh venerável Imam! Não há na face da Terra um pai mais honrado do que tu, ao lhes dizer, que a devoção é a sua honra e com a obediência a Deus se privilegiaram.

Outro veio e lhe falou:

“Juro por Deus, que tu és o melhor dos homens!”

E o Imam Al-Reda lhe disse:

“Não jures, oh Fulano, pois é melhor do que eu, é aquele que se

devota a Deus Supremo e Lhe obedece, caso contrário, não teria sido

revelado o versículo que diz: Oh humanos, Nós vos criamos machos e

fêmeas e vos transformamos em povos e tribos a fim de vos reconhecesseis

entre si, porém, o mais honrado dentre vós ante Deus, é o mais devoto...”

(Surata Al-Hudjirát, Cap.49, V. 13)

Esta era a índole dos Imames provenientes de “Ahlul Bait” (A.S), descendentes do Profeta Mohammad (S.A.A.S) e este era o método deles no que diz respeito aos valores fraternos e humanos, ao respeito pelo próximo e à proteção de seus direitos e dignidade. Para estes Imames purificados (A.S), não existe alguém preferível ao outro, senão pela devoção a Deus e pelas boas ações.


112 visualizações