A prática de boas ações



"O criaturas de Deus! Temei a Deus e antecipais as vossas mortes mediante boas ações. Adquiri júbilo duradouro, dispondo de coisas transitórias, os prazeres do mundo. Aprontai-vos para a jornada, pois estais sendo guiados, e preparai-vos para a morte, uma vez que ela paira sobre vós. Sede pessoas que despertam quando são chamadas e que sabem que este mundo não é a sua morada eterna, e então, o trocam pelo outro. Certamente, Deus não vos criou a esmo nem vos deixou ao léu. Nada há nada entre qualquer um de vós e o Paraíso ou o inferno, a não ser a morte, que está se aproximando dia e noite, é certamente rápida na aproximação. O viajante que está se aproximando, com muito ou pouco sucesso, merece a melhor das provisões. Então, obtende tal provisão deste mundo enquanto estais aqui, com a qual garantireis o escudo para amanhā, no dia do juízo. Assim sendo, todos devem temer a Deus, devem admoestar a si mesmos, devem apresentar arrependimento e devem sobrepujar os seus desejos, porque sua morte está escondida deles, seus desejos os enganam e Satanás está postado junto a eles, abrilhantando os pecados a fim de que os cometam, de que retardemo arrependimento, fazendo com que seus desejos os tornem mais negligentes. Que pena pelo fato da pessoa negligente, cuja

própria vida será uma prova contra ela, e os seus dias passados em pecados, ser arrastada para a punição! Peçamos a Deus, o Glorificado, que nos torne, a nós e a vós, naqueles aos quais nao faltam as benesses, aos quais nada pode parar no tocante a obediëncia a Deus, e sobre os quais a vergonha e a aflição não se abaterão após a morte."


Imam Ali (as) - Sermão 64 - Nahjul Balaghah

17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo